Área: Filosofia Antiga

 

Tema: O Banquete de Platão, os níveis sensíveis do Eros;

 

Duração: 50 minutos

 

 

 

 

 

 

 

Objetivos

 

 

 

Objetivo Geral

  • Apresentar um panorama do pensamento platônico na obra, reconhecer cada nível de sensibilidade dos diálogos e as conseqüências de sua construção. Discorrer sobre os mitos falados e sobre a transição do Eros à philia.

 

Objetivos específicos:

  • Participar o grupo do contexto histórico vivenciado na época para poder ampliar a visualização de questões, como a sexualidade;

  • Retratar a importância do Eros de cada elogio e apresentar a relevância de cada discurso na obra por inteira;

  • Observar a transição do eixo vertical do Eros a philia.

 

 

 

 

Metodologia

 

 

 

1. A construção da linha de raciocínio se inicia logo depois da breve apresentação da obra, essa construção se origina no levantamento do questionamento histórico sobre a pederastia grega;

 

2. Após esse levantamento e uma breve discussão de contextualização da época, se inicia a apresentação do Eros de cada discurso;

 

3. É importante que se faça uma pequena exposição de certas citações para que fique mais claro a idéia que esta sendo passada;

 

4. Para encerrar, depois da apresentação da aula iniciar uma nova discussão sobre o amor a filosofia;

 

 

 

 

Recursos

 

 

 

    • Leitura de trechos e citações importantes;

    • Apresentação de gravuras que retratem a época;

 

 

 

 

 

 

Bibliografia

 

 

ARÊAS, J. B.O delírio dos deuses e a loucura do filósofo. Comum (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. 11, n. 25, p. 05-24, 2005.

 

FRANCALANCI, Carla. Amor, Discurso, Verdade. Uma interpretação do Sympósion de Platão. Vitória: EDUFES, 2005.

 

FRANCO, Irley. O Sopro do Amor: Um comentário do discurso de Fedro no Banquete de Platão. 1ª ed. – Rio de Janeiro: Palimpsesto, 2006.

 

FOUCAULT, Michel. História da sexualidade II: O Uso dos Prazeres. Trad. Maria Thereza da Costa Albuquerque. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1984.

 

MACEDO, Dion Davi. Do elogio a verdade: um estudo sobre a noção de Eros como intermediário no Banquete de Platão. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2001.

 

PESSANHA, J.A. Motta. Os Sentidos da Paixão – Platão: as várias faces do amor. Funarte: Núcleo de Estudos e Pesquisa. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.

 

PLATÃO. O Banquete. Trad., introdução e notas Prof. J. Cavalcante de Souza. 4°ed.Rio de Janeiro: DIFEL, 2006.

VRISSIMTZIS, Nikos A. Amor, Sexo e Casamento na Grécia Antiga. Trad. Luiz Alberto Machado Cabral. São Paulo: Editora Odysseus, 1ºed.2002.